Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 14, 2018

O FINITO E O INFINITO ( kIERKEGAARD)

Abordando a questão do  ser humano como tal, o filósofo dinamarquês Soren Kierkegaard discorre  sobre a sua posição no concerne a liberdade humana no tempo e espaço, sem esquecer da realidade necessária. Ora, a síntese resume-se no fato de que este indivíduo inserido no mundo é paradoxal, ou seja, ele vive  nesta dialética constante da existência, onde o  possível e o necessário andam juntos. O ser humano, portanto não é alvo do fatalismo, ele pode costurar a sua existência, a partir do momento no qual ele tem consciência de si e é mergulhado nesta realidade, as suas ações constroem o seu caminho. No entanto este ser que costura o seu caminho é envolto também em necessidades, ou seja, limita-se ao tempo espaço. Ele não é Deus, embora seja um deus. Vós sois deuses. Sem chegar aos extremos Kierkegaard enfatiza de modo fantástico esta dialética existencial, não se pode prescindir da necessidade, porque ela existe , todavia, não podemos prescindir do possível, porque senão a necessidade v…